Brasas

Marcelo Queiroga e Ney Suassuna já podem formar chapa; slogan tá pronto!

22 de setembro de 2021 às 12h00

O ministro Marcelo Queiroga e o suplente de senador Ney Suassuna têm mais em comum do que a origem paraibana.

Agora, um e outro compartilham do gosto por famosa expressão gestual. O dedo do meio como idioma para as insatisfações ou reações mais instintivas.

Ney emitiu esse sinal de pouca gentileza para um Zé Maranhão, ex-aliado, num leito de UTI, diante de um perplexo jornalista Hermes de Luna, na TV Correio.

Queiroga usou o dedão em reação a protesto de um pequeno grupo de manifestantes em Nova York.

Ney já foi senador, mas tem vocação mesmo para suplente, sua atual posição na política. Já o cardiologista não descarta disputar uma vaga ao Senado.

A ambos peço permissão para colocar o “dedo” (sem trocadilho!( nessa história.

Não seria qualquer forçação de barra uma candidatura a senador de Queiroga com Suassuna na suplência. O slogan a sabedoria popular já tem pronto: Queiroga e Ney, “vão-se os anéis e ficam os dedos”!

E que, por conta dessa singela sugestão, nenhum dos dois fique cheio de dedos…

Comentários