Bastidores

Gay assumido, Rafafá chega polemizando: “Eu sou maioria”

6 de abril de 2021 às 16h07
Rafafa na campanha de 2018

Ninguém conhece Rafael Pereira de Sousa, mas muita gente já ouviu falar em Rafafá. Especialmente, se for de Campina Grande, terra natal do novo deputado federal que a Paraíba conhecerá a partir da próxima semana. Suplente do PSDB, ele toma posse com a licença parlamentar anunciada pelo deputado Pedro Cunha Lima (PSDB).

Com uma campanha marcada por bom humor, trocadilhos e roupas extravagantes, Rafafá é gay assumido. Porém, não se deve esperar dele uma atuação ‘tradicional’ da causa LGBT.

Ao Blog, Rafael garantiu que o tema estará entre suas bandeiras, mas sem “vitimismo”. “Eu faço parte de uma maioria, porque quando se juntam as minorias se tornam maiores do que qualquer bandeira”.

“Eu vou falar a realidade. Eu vou fazer o meu sendo gay. Todos os direitos são iguais. Seja hetero ou gay, todos têm que ser tratados iguais. A gente tem que pedir respeito e respeitar”.

Rafafá avisou que sua passagem de quatro meses na Câmara será para mostrar um olhar de quem vem das raízes: “Eu sou nato do povo. É a primeira vez que alguém tão simples vai representar a Paraíba. Os políticos precisam olhar para as pessoas. Quem tá muito alto não consegue enxergar quem tá no chão”.

“Recebo com muito carinho o gesto do PSDB. A gente está exausto, cansado, e nunca tive uma chance como essa”, registrou Rafael, que foi candidato três vezes a vereador em Campina Grande.

Na campanha de 2018, o então candidato prometeu “quebrar o pau” em Brasília. A estreia promete.

Comentários

error: Conteúdo Protegido !!