Bastidores

Azevêdo reforça decreto: “Estamos no pior momento da pandemia”

23 de fevereiro de 2021 às 20h17

O governador João Azevêdo (Cidadania) reforçou no início da noite desta terça-feira a necessidade do decreto publicado hoje com restrições de mobilidade humana e funcionamento do comércio.

Ao Programa Hora H, da RedeMais, Azevêdo foi contundente: “Estamos vivendo o pior momento da pandemia, com a chegada das novas cepas, o que gerou um aumento no número de casos muito acelerado, com média de 1.000 casos por dia, número de mortes que passa de 20. É claro que precisamos tomar alguma medida”, justificou.

Na entrevista, João disse que é simplista a leitura de quem diz que os decretos fecham igrejas e abre bares. “É um argumento hipócrita”, reagiu.

Confira a entrevista completa aqui.

Comentários

error: Conteúdo Protegido !!