Bastidores

Chico Mendes em São José de Piranhas, 73 pontos fora da curva

19 de novembro de 2020 às 12h27
Vitória acachapante abre espaço para Chico Mendes como liderança regional: ele partirá para novos voos?

Faz tempo que o Blog vem alertando. Em São José de Piranhas, algo diferente e novo acontece. Uma gestão que consegue chegar a 85% de aprovação já é um fenômeno.

Chico Mendes foi reeleito com 73,77% dos votos válidos num Sertão de rivalidades mil e eterna polarização.

Lá, depois de 3 anos e onze meses de seu primeiro governo, o prefeito bateu Cleide de Zezé (MDB), segunda colocada com 16,7%, e nada mais nada menos do que o seu antecessor, Domingo Neto (PL), prefeito por oito anos, que terminou com 8,21% dos votos.

Quem são eles? Além de prefeito duas vezes, Domingos é filho do ex-prefeito Neto Lacerda. Cleide é viúva do ex-prefeito Zezé de Né Gomes.

Portanto, duas forças tradicionalíssimas da cidade. Ambas abatidas no pleito de domingo num resultado incontestável.

Oriundo da agricultura e zona rural, Chico – que até no nome tem povo – desbancou a força das famílias no histórico município.

Por que? A resposta é simples: gestão. É só o que explica a maioria acachapante numa eleição plebiscitária entre os modelos do atual e do prefeito imediatamente anterior.

Chico Mendes foi para as urnas prefeito. Saiu delas com cara de deputado…

Comentários

Em respeito a Legislação Eleitoral, os comentários estão temporariamente suspensos.

error: Conteúdo Protegido !!