Galdino versus Maia: confronto é efeito colateral do ringue de Ricardo e João – Heron Cid
Bastidores

Galdino versus Maia: confronto é efeito colateral do ringue de Ricardo e João

4 de outubro de 2019 às 13h50

O entrevero que se assiste, via terceiros, entre o presidente da Assembleia, Adriano Galdino, e o ex, o deputado federal Gervásio Maia, ambos do PSB, é um capítulo novo de uma novela velha. Os dois têm indisposições acumuladas. Quem não lembra do tom de Galdino logo após a posse de Maia, que o sucedeu na Casa? Adriano externou insatisfações, posteriormente contidas. Como se vê agora, apenas adiadas. Gervásio reclamava de dívidas herdadas. A roda girou e Galdino voltou ao comando do Poder, sucedendo quem havia lhe sucedido. Por mais de uma vez, Adriano reclamou publicamente de defeitos da reforma da sede da Assembleia. Nesta semana, abriu novo debate da impraticabilidade da estrutura da Casa, mesmo depois de milhões em investimentos. O conflito tem agora outra munição mais inflamável. Maia é hoje braço direito de Ricardo Coutinho, ex-governador, e Galdino o homem forte na base de João Azevedo, o novo governador. A queda de braço, em efeito dominó, não tem data para acabar. É como fogo de monturo.

Comentários