Xeque-Mate e "a grande pesca" – Heron Cid
Bastidores

Xeque-Mate e “a grande pesca”

9 de agosto de 2019 às 11h00
Fabiano Emídio, delegado da Polícia Federal em João Pessoa

O delegado da PF, Fabiano Emídio, chegava ao Mercado do Peixe em Cabedelo. Estava numa rotina normal de dono de casa, mas uma reação pouco comum surpreendeu o investigador da Operação Xeque-Mate, a que desbaratou um esquema de desvios na Prefeitura de Cabedelo. Ao entrar no ambiente para comprar o pescado do almoço de domingo, o delegado foi ‘abordado’ por consumidores e moradores. Rapidamente, o reconheceram e o cercaram. Quase em côro, aplaudiram o trabalho da operação e ouviu palavras como: “Cabedelo agradece ao senhor”. Em tempos em que setores contestam e questionam instituições do Judiciário, a reação popular demonstra que, no caso da Xeque-Mate em Cabedelo, o mar está para peixe.

Comentários