Bastidores

Crise: ‘ameaças’ do PP não intimidam Romero

17 de outubro de 2017 às 16h04
Romero Rodrigues, prefeito de Campina Grande

O prefeito Romero Rodrigues (PSDB) não estar disposto a vestir o figurino de refém na crise aberta pelo PP, em Campina Grande.

Foi o que ficou claro na reação do tucano quando avisou que vai procurar o vice, Enivaldo Ribeiro, para dizer umas verdades sobre a indicação, seguida de recusa, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

“Vou encontrar o vice-prefeito Enivaldo Ribeiro para ver o compromisso que nós temos, inclusive, esse compromisso foi combinado com o deputado Aguinaldo”, cravou.

Deu o tom.

Comentários